Siga-nos:

Seleccionar País:

adminfya

22 fevereiro 2022

Nenhum comentário

Diretor-presidente de Fé e Alegria visita a unidade de Boa Vista (RR) para se aprofundar nas demandas locais

Em fevereiro, Pe. Antonio Tabosa, diretor-presidente de Fé e Alegria do Brasil, compareceu à unidade de Boa Vista (RR), que acolhe famílias venezuelanas e brasileiras em situação de vulnerabilidade e foi criada no município para reduzir o impacto da crise migratória na Venezuela. Durante a visita, o jesuíta passou pelo Centro Social Liberdade, compareceu à Casa de Passagem Pe. José Maria Veláz  conheceu o Escritório de Empreendedorismo e o projeto Panamazônico e inaugurou o Centro Social São Francisco Xavier, nova unidade de Fé e Alegria no município.

 

Escritório de Empreendedorismo

É um projeto financiado pela organização Manos Unidas da Espanha e executado pela Fundação Fé e Alegria, que tem como propósito formar pequenos comerciantes locais com o objetivo de ajudá-los na elaboração e na condução de um plano de negócios. Os resultados alcançados foram apresentados pelas empreendedoras atendidas ao diretor-presidente em uma reunião nas dependências do escritório.

 

Ao todo, o local realizou mais de 400 cadastros de interessados em atendimentos, sendo 120 empreendedores que participaram efetivamente de formações e 30 que receberam assessoria e acompanhamento técnico por quatro meses, além de benefícios como equipamentos de apoio, maquininhas de cartão, auxílio alimentação e gás, uniformes, entre outros. Grande parte dos atendidos são mulheres migrantes e os setores mais comuns dos negócios são alimentação (confeitaria), moda e vestuário, (ateliê de roupas) e serviços de beleza (salão de estética).

 

Projeto Panamazônico

Pe. Antonio Tabosa se reuniu com lideranças indígenas das etnias Eñepa, Pemon, Warao e Kariña, além de representantes da Associação de Músicos Sem Fronteiras, que capacita crianças da etnia Pemón. O objetivo do encontro foi repensar os espaços de formação educacional para oferecer às aldeias locais atividades que preservem a diversidade cultural e a identidade dessas etnias.

 

A iniciativa do Serviço Jesuíta Pan-Amazônico nasceu da necessidade da defesa ambiental e da proteção de direitos dos povos indígenas da região. Ciente desse cenário, a Federação Internacional Fé e Alegria está em constante parceria com o projeto Panamazônico para fortalecer as iniciativas de ecologia integral.

©2023 Todos los derechos reservados
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com